Como construir um Networking

· Tempo de leitura 2 Minutos

Começar e desenvolver relacionamentos profissionais é quase inevitável quando se entra para o mercado de trabalho. O conceito de Networking se resume em ter contato com outros profissionais, uma constante troca de conhecimentos e, principalmente, indicações. Além de tudo, é preciso manter esses relacionamento que traz benefícios profissionais ao longo de uma carreira.

Um networking deve começar a ser construído durante toda a vida, mas a faculdade é um bom ponto inicial para essa ação mais focada. Em sala de aula conhecemos futuros colegas de profissão que podem se tornar sócios, fornecedores ou colegas. A longevidade dessas conexões depende muito de como ela é construída. Reconhecer potenciais contatos e/ou ser reconhecido pelo o que você faz é um passo muito importante nessa construção.

Tentar manter uma relação saudável e uma comunicação recorrente também são fatores determinantes. Não precisa ser algo diário, mas uma mensagem de aniversário ou um link de uma matéria interessante pode ser usado como retomada de uma conversa.

Encontrando as pessoas certas para sua rede de contatos

É importante lembrar que um bom networking não é feito apenas de pessoas da mesma área de atuação. A diversidade de olhares e conhecimentos deve ser considerada. Isso começa desde a sua própria família, passando pelos colegas da faculdade, amigos no trabalho, até outras pessoas de campos de atuação correlacionadas.

O velho “cara a cara” também tem que ser considerado. O conhecimento adquirido em conversas entre pessoas próximas pode te ajudar em um momento decisivo na sua carreira.

O networking pode ser algo difícil para quem é tímido e esse é mais um motivo pelo qual você deve focar na qualidade das conexões. Pode ser seletivo na hora de escolher os contatos em que vai investir. Pessoas “intermediárias” também pode ser uma ajuda nesse contato, assim como as redes sociais.

Considera-se o capital social uma coisas mais valiosas que um profissional pode ter e ele deve ser cuidado, alimentado e desenvolvido constantemente.

Fonte: Penser Imagem: Freepik

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *